TRANSPARÊNCIA QUANTO À ARQUITETURA DA INFORMAÇÃO E USABILIDADE: CASO DO PORTAL DA ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESTADO DO PARANÁ

Autores

DOI:

https://doi.org/10.51206/e-legis.v14i35.624

Palavras-chave:

Transparência, Arquitetura da Informação, Usabilidade, Democracia Digital, Comunicação Polí­tica.

Resumo

Parte considerável da literatura sobre transparência pública se debruça somente sobre as exigências legais. À vista disso, propõe-se a observar o caso da Assembleia Legislativa do Estado do Paraná, especificamente o sí­tio online institucional, mediante a perspectiva da arquitetura da informação e usabilidade, de modo a investigar como é praticada a transparência pela instituição através do sí­tio virtual. Para isso, utiliza-se a técnica de observação sistemática e uma lista de verificação. Observaram-se problemas quanto à nomeação ambí­gua das categorias nos menus, ordenação das informações nas páginas secundárias e a apresentação das informações de forma não facilitada ao usuário. Desse modo, compreende-se que o foco da transparência online realizada pela instituição não se restringe ao constrangimento legal, mas se refere a uma concepção dos próprios agentes sobre o que ela seria.

Biografia do Autor

Jackeline Saori Teixeira, Universidade Federal do Paraná

Mestranda em Ciência Polí­tica pela Universidade Federal do Paraná

Publicado

2021-08-17

Edição

Seção

Dossiê Legislativos Estaduais e Municipais