DISCURSOS MIDIÁTICOS E A DESLEGITIMAÇÃO DA POLÍTICA / MEDIA DISCOURSES AND THE DELEGITIMIZATION OF POLITICS

Autores

  • Sylvia Debossan Moretzsohn UFF

DOI:

https://doi.org/10.51206/e-legis.v10i24.369

Palavras-chave:

Mí­dia. Deslegitimação da polí­tica. Fascismo. Media. Delegitimation of politics. Fascism.

Resumo

Este artigo retoma as discussões sobre a natureza do processo que levou à queda da presidente Dilma Rousseff. Mostra a tradição golpista da imprensa brasileira e o eterno retorno do tema da corrupção como "cruzada moral" para desestabilizar governos democraticamente eleitos, sua força ideológica e sua capacidade de escapar de uma abordagem objetiva do fenômeno. Aponta a articulação das investigações da Operação Lava Jato com o discurso jornalí­stico hegemônico da mí­dia para a conformação de um clima propí­cio não apenas para a derrubada do governo, mas para a deslegitimação dos polí­ticos envolvidos nas denúncias de corrupção, que abriu o caminho para a deslegitimação da própria polí­tica e estimulou a proliferação das manifestações de ódio, empurrando o paí­s para o limiar do fascismo.

Biografia do Autor

Sylvia Debossan Moretzsohn, UFF

Doutora em Serviço Social pela UFRJ, jornalista e professora de jornalismo no Departamento de Comunicação Social da UFF

Publicado

2017-12-08

Edição

Seção

Dossiê: Parlamentos e Comunicação Pública