GABINETES DIGITAIS: O PAPEL DA COMUNICAÇÃO ONLINE NA ROTINA PARLAMENTAR

Márcio Carlomagno, Fernando Wisse, Sérgio Braga

Resumo


Este artigo investiga a utilização de ferramentas digitais pelos gabinetes parlamentares na Câmara dos Deputados. Diferentemente do que a literatura da área tradicionalmente faz, nossa pesquisa analisa o ponto de vista dos operadores do sistema. Aplicamos um survey (amostral e representativo do universo) às assessorias parlamentares trabalhando com comunicação nos gabinetes dos deputados federais. A partir de uma série de questões sobre o impacto destas ferramentas, criamos dois índices de comunicação, externa e interna. Em seguida, agregamos os dois índices e propomos uma tipologia das comunicações dos gabinetes parlamentares. Cruzamos os dados com partidos políticos, a fim de salientar as distinções no tipo de comunicação adotada. Entre as contribuições desta pesquisa reside o destaque ao uso destas ferramentas não apenas no contato com os cidadãos, mas na rotina interna dos gabinetes. As evidências sugerem que estas tecnologias impactam não somente as relações externas ao gabinete (sua importância como comunicação), mas a própria rotina interna de trabalho.

Palavras-chave


parlamento digital; mídias sociais; legislativo; assessorias parlamentares; internet e política

Texto completo:

POR ENG SPA