MECANISMOS ALTERNATIVOS DE FINANCIAMENTO PARA O ESPORTE DE ALTO RENDIMENTO NO BRASIL

Rene Vinicius Donnangelo Fender

Resumo


Após as Olimpíadas de 2016 houve mudança no financiamento do esporte de alto rendimento no Brasil. A diminuição da atividade econômica do país impacta tanto o financiamento público quanto o privado. O presente estudo, de caráter qualitativo e exploratório, buscou, através de pesquisa bibliográfica, identificar em outros países mecanismos alternativos que contribuem com financiamento do esporte. Argentina, Colômbia, Costa Rica, Bolívia e Peru possuem em comum legislações com a característica principal de arrecadar recursos através de impostos e taxas sobre serviços de telefonia móvel, cigarros, bebidas e jogos de azar. Assim, esses países apresentam alternativas de financiamento por meios que não sejam repasses diretos do governo, acenando para que estudos futuros possam expandir a compreensão do tema com exemplos de outros países.

Palavras-chave


Esporte, Alto Rendimento, Legislações, Financiamento

Texto completo:

PDF